Chás Medicinais

Tags: , , , , , , , , , , ,


Quem nunca bebeu um chá quentinho, preparado pela vovó para curar algum problema de saúde? Todo mundo conhece alguma erva ou planta que possua propriedades terapêuticas. Na maior parte das vezes, esse conhecimento sobre os usos medicinais dos chás foi passado de geração em geração, como frutos de uma tradição popular. No entanto, muitas pesquisas atuais comprovam que as plantas possuem substâncias que podem ser utilizadas no tratamento de algumas doenças.

Regulamentação da ANVISA

Em 2010, a ANVISA, Agência Nacional de Vigilância Sanitária, aprovou uma lista de plantas medicinais e regulamentou o uso terapêutico dessas ervas no tratamento de doenças de baixa gravidade. Dessa forma, o órgão se mostrou favorável ao consumo de chás medicinais, desde que sejam seguidas as orientações da regulamentação. Assim, as normas não significam que as drogas vegetais estão liberadas. O objetivo é esclarecer às pessoas quanto ao uso das ervas reconhecidas cientificamente como medicinais.

Além de informar sobre a utilidade de diferentes ervas, a ANVISA criou uma cartilha que apresenta o modo de preparo das diferentes ervas, contraindicações das plantas medicinais, escolha das ervas, entre outras informações. A regulamentação também serve para avaliar o tipo de erva que será comercializada e para que fins.

Chpa de Camomila

Chá de camomila para insônia, nervosismo e dores de barriga

Chás Terapêuticos

Veja alguns chás medicinais que foram reconhecidos pela ANVISA como contendo propriedades medicinais:

Chá de Carqueja

O chá de carqueja é indicado para melhorar a digestão. Para preparar, o ideal é seguir a proporção de 2 colheres (chá) da erva para cada xícara (chá) de água. A bebida deve ser ingerida de 2 a 3 vezes por dia, na quantidade de 1 xícara. As grávidas não podem fazer uso do chá, pois pode causar contrações do útero. também não é aconselhado o consumo da bebida juntamente com outros medicamentos.

Chá de Alho

A bebida é recomendada para quem sofre com o colesterol alto. Além disso, o alho também atua como expectorante e antisséptico. Para fazer o chá é preciso colocar 1 colher (café) de bulbo de alho em infusão com 1 xícara (café) de água. Deve-se tomar 2 xícaras da bebida, após as refeições principais. O excesso de chá de alho pode causar danos às paredes do estômago e do intestino.

Chá de Camomila

A camomila é indicada para aliviar as cólicas intestinais, além de funcionar como calmante natural. A infusão deve ser preparada com 1 colher (sopa) de flores de camomila e 1 xícara (chá) de água quente. O ideal é beber de 3 a 4 xícaras do chá durante o dia, mas não mais do que isso. Se consumida em excesso, a camomila pode causar náuseas, excitação e insônia.

Compare preços de Chá Vermelho no Buscapé.

Cha Vermelho RSS

Chá Vermelho em seu e-mail!

Cadastre-se e leia nossos artigos.

Cha Vermelho